BRB - Banco de Brasília

Base Jurídica

Banco de Brasília - BRB

Atualizado em junho/2017

O Banco de Brasília S.A. - BRB, sociedade de economia mista, cujo acionista majoritário é o Governo do Distrito Federal (96,85%), foi criado no dia 10 de dezembro de 1964 (Lei Federal 4.545), e obteve autorização para funcionar, concedida pelo Banco Central do Brasil, em 12 de julho de 1966. Com a sua criação, pretendia-se dotar o Governo do Distrito Federal (GDF) de um agente financeiro que possibilitasse captar os recursos necessários para o desenvolvimento da região. Em 1986, a denominação de Banco Regional de Brasília S.A. foi alterada para Banco de Brasília S.A., embora tenha permanecido a sigla BRB. Em 1991, transformou-se em banco múltiplo com as seguintes carteiras: comercial, câmbio, desenvolvimento e imobiliária.

O BRB detém as seguintes participações acionárias:

  • 69,7% da empresa BRBCARD S.A.;
  • 100% da empresa BRB - Crédito, Financiamento e Investimentos S.A.;
  • 99% da empresa BRB DTVM - Distribuidora de Títulos e Valores Mobiliários S.A.;
  • 3,1% da empresa Companhia Brasileira de Securitização – CIBRASEC, na condição de sócio-fundador.
  • Possui ainda participação indireta, por intermédio da BRBCARD S.A., na Corretora Seguros BRB e na BSB Ativos.
Para acessar o Estatuto Social, clique aqui.

Razão Social: BRB - Banco de Brasília SA | CNPJ: 00.000.208/0001-00 | Endereço da Sede: SBS Qd. 01, Bl. E Ed. Brasília - Brasília/DF - Cep: 70.072-900