PERFIL DO INVESTIDOR, você sabe o seu?


por que investir?

Ao longo dos anos, foi possível perceber uma mudança no comportamento da população em relação a investimentos. Apesar de alguns ainda se manterem conservadores, investir deixou de ser algo relacionado apenas a uma classe privilegiada e tornou-se algo para todos.

Hoje, mesmo com pouco dinheiro, você pode começar a investir e aumentar a sua rentabilidade; basta saber qual é o seu perfil. Você sabe como quer estar financeiramente daqui a 5, 10 ou 20 anos? Descubra/Atualize o seu perfil e comece a investir no seu futuro.

perfil do investidor

Sabe-se que cada pessoa possui patrimônios, objetivos e tolerâncias a riscos diferentes e, por esse motivo, ser fiel ao seu perfil é fundamental para o sucesso da sua estratégia de investimento.

Conhecida como “Suitability” (termo, em inglês, que significa adequação), a Análise de Perfil do Investidor é uma metodologia que tem por objetivo ajudar o investidor a identificar o seu perfil e a verificar a compatibilidade de seus investimentos com seus objetivos, situação financeira e conhecimento sobre os produtos de investimentos.

Atendendo à regulamentação CVM 539 e ao Código ANBIMA, toda instituição financeira deve verificar a cada 2 (dois) anos, de forma padronizada e sistemática, a adequação entre o investimento oferecido ao cliente e o grau de risco tolerado.

tipos de perfis

O primeiro passo para definir o seu novo perfil de investidor é: você deve ser o mais realista possível com as suas metas, com o tempo que os seus recursos podem permanecer aplicados e de outros fatores que podem influenciar no seu planejamento. Isso lhe deixará mais seguro em relação as suas estratégias e planos futuros.

Os tipos de perfis de investidores são basicamente três: conservadores, moderados e arrojados. Quando você definir seu, você também estará definindo a sua estratégia de investimentos. Lembre-se que o seu perfil e a sua estratégia podem mudar com o tempo e com as suas necessidades. Por isso, reveja esses fatores ao longo do tempo e especialmente quando tiver alguma grande mudança na sua vida.

Existem pessoas que estão dispostas a tomar maiores riscos do que outras e, portanto, tendem a tolerar mais as flutuações do mercado. Vamos saber em qual perfil você se enquadra?

  • Perfil Conservador – Se a primeira coisa que vem a sua mente quando ouve falar em investimento é: “segurança”; esse é o seu perfil. Você deve direcionar suas aplicações para ativos de baixo risco.
  • Perfil Moderado – Busca um pouco mais de rentabilidade, diversificando os investimentos entre ativos de médio e longo prazo. Aceita perdas a por um prazo maior, visando lucros maiores. 
  • Perfil Arrojado – Aqui é para quem não tem medo de investir. O interesse é a multiplicação do patrimônio, mas aceitando que podem ocorrer perdas expressivas e por longos prazos. Aqui, a rentabilidade é maior, mas o risco também é bem maior. 

descubra o seu perfil

O BRB está promovendo uma Campanha de Atualização do Perfil do Investidor dos seus clientes.  Para atualizar é rápido e fácil, basta seguir as orientações.

Existem 4 maneiras: BRB Banknet, BRB Mobile, BRB Telebanco ou via Agência. Para atualizar via Banknet, basta seguir as orientações do vídeo ou do passo a passo logo abaixo. Caso prefira requalificar pelo Mobile, acesse a aba: Investimento >> Perfil do Investidor e responder novamente o questionário.

Você ainda pode ligar no BRB Telebanco - (61) 3322-1515 – e selecionar as opções: 9 >> 1 >> 6 ou falar diretamente com o seu gerente. Não é cliente BRB, mas tem curiosidade para saber o seu perfil, clique aqui.

1
Acesse a sua conta no BRB Banknet (é essencial estar logado ao Banknet para que fique registrada a atualização do seu perfil).
Clique em:
Investimentos >> Diversos >>
Perfil do Investidor.

2
Clique em:
Responda novamente.
3
Preencha o formulário e PRONTO! Seu cadastro está atualizado. Continue investindo no seu futuro.
4

Perguntas frequentes

Sou obrigado a responder ao questionário?
Se eu optar pela recusa ao questionário, fico impedido de realizar aplicações financeiras?
Se eu me negar a responder o questionário e a assinar o termo de recusa, poderei aplicar?